Arrow | Novo time e um herói com sede de vingança no segundo episódio

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

ATENÇÃO PARA SPOILERS DA SÉRIE A SEGUIR!

O segundo episódio de Arrow, “The Recruits” (5×02), começa com Oliver chamando Cão Raivoso para entrar no “novo” Time Arrow, que ele está aos poucos construindo no covil. Por lá, vemos que Curtis está lutando contra um treinamento difícil, e Oliver diz que todos terão que usar máscaras para treinar os novos recrutas, visto que eles ainda são incógnitas.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Quando vemos a sessão de treinamento, é brutal: o desafio é passar por Oliver e tocar um sino que está atrás dele – e todos os candidatos selecionados pelo protagonista de Arrow falham. Em um flashback, vemos que Oliver está apenas repetindo um exercício pelo qual teve que passar para entrar na Bratva.

Enquanto isso, no escritório de prefeito, Oliver convence a Amertek a o ajudar em um evento caridoso – para o azar do novo prefeito, no entanto, o vice-presidente da empresa é atacado por um ser misterioso no meio da rua em Starling City, e logo as preocupações com a segurança do evento se tornam mais complicadas. Após Felicity dizer para Oliver que o ser que atacou o executivo da Amertek era provavelmente um metahumano, o Time Arrow, com todos os novos recrutas, é chamado para a missão.

Arrow, “The Recruits” (5×02)

Desastre previsível

A primeira missão não vai tão mal quanto poderia. Assim que o evento começa, a presidente da Amertek é atacada pelo mesmo ser bizarro que vimos anteriormente. Esse novo vigilante parece ter “roupas mágicas”, que tomam vida. Quando Oliver fica sem possibilidade de proteger a presidente da empresa, Cão Raivoso entra em ação e consegue tirar um pedaço da roupa da misteriosa entidade.

A situação, no entanto, é bastante para o líder do Time Arrow explodir com seus recrutas, reclamando que eles não ficaram escondidos como ele havia ordenado. O desentendimento faz Cão Raivoso e Artemis desistirem, e mais tarde Curtis também – mais tarde, Oliver reflete sobre suas técnicas de treinamento da Bratva e percebe que só as usou porque não queria se envolver com os recrutas e se decepcionar depois.

Enquanto isso, Thea descobre que a presidente da Amertek tem um acordo sujo com Tobias Church, o mafioso que conhecemos no episódio anterior de Arrow. Oliver decide ir sozinho resolver esse problema, mas antes Felicity revela que o pedaço de roupa retirado da entidade misteriosa tinha milhares de anos de idade e estava cheio de radiação de bombas Gênesis, como aquelas lançadas por Damien Darhk.

Oliver reencontra o tal novo vigilante quando sabota uma reunião entre a presidente da Amertek e Tobias Church. O homem revela que culpa o bombardeamento de Havenrock, na verdade realizado por Felicity, na Amertek, e tenta matar a presidente, enquanto Oliver é espancado por Church. Chamando pela ajuda do novo vigilante, Oliver acaba deixando a corrupta CEO da companhia escapar – em uma conversa mais tarde, os dois heróis concordam que ser um assassino vingativo não é o que a família deste novo personagem, ainda não nomeado, gostaria.

No final do episódio de Arrow, vemos Oliver aceitando que precisa de um time, e faz os recrutas voltarem. Dessa vez, ele remove a máscara e pede para todos confiarem nele. Todos aceitam, apesar de Cão Raivoso odiar seu codinome.

Chechênia

Em uma trama menor do episódio, vimos Diggle lidando com uma operação militar da Chechênia onde encontrou alguns soldados corruptos que tentavam roubar e vender uma arma de destruição em massa ao invés de recuperá-la das mãos de um grupo rebelde. Os soldados corruptos matam um novato no regimento de Diggle e tentam convencê-lo a assinar uma confissão – ele se recusa. E assim, o personagem dá mais um passo em direção a sua volta para o Time Arrow.

Ainda nos flashbacks de Oliver na Rússia, vemos como ele conseguiu bater o exercício em que precisava tocar o sino – trabalhando junto com os outros candidatos a uma posição na Bratva. O problema é que, assim que eles conseguiram o feito, todos os outros foram mortos instantaneamente pelos mafiosos, que deixaram apenas Oliver viver – uma lição dura que deve ter moldado a desconfiança eterna do protagonista de Arrow.

Por fim, uma ceninha no final nos mostra mais um momento do grande vilão da temporada de Arrow, Prometheus – ele aparece em uma boate e espanca Tobias Church, dizendo que o Arqueiro Verde é só seu para matar.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio