Artigo | O que podemos esperar de Alien: Covenant

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Desde os primeiros anúncios de Alien: Covenant, muito especulou-se sobre onde o filme se encaixaria na cronologia da franquia. Inicialmente, o novo longa passava a impressão de um reboot suave, uma forma de continuar com o mesmo universo de modo a desconsiderar Prometheus.

Mas, com o tempo, tornou-se claro que sim, Covenant é uma sequência direta de Prometheus – a primeira produção que se passa antes de Alien, o clássico – e esse é o primeiro fato que devemos aceitar e compreender.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Tal informação foi confirmada por Mark Huffam, o produtor de Alien: Covenant, à Slash Film: “[O filme] seguirá os passos de Prometheus e deixará deliberadamente perguntas sem resposta… para que possam ser exploradas em outra sequência”.

Alien: Covenant será o mais gore dos filmes de Alien: “Ridley Scott quer chocar”

Alien: Covenant introduzirá os primeiros personagens LGBT da franquia Alien

O elo mais forte que liga Prometheus e Alien: Covenant é a presença de Michael Fassbender, que retorna como o androide David enquanto também interpreta outro androide chamado Walter. Mas quando Prometheus terminou, David era apenas uma cabeça junto a Elizabeth Shaw, que não tem um fim definido.

Ela estaria viva? Ela volta para Alien: Covenant? Ainda não sabemos. De fato, questões sem respostas, como a de Shaw, é a marca registrada de Ridley Scott. Assim como Prometheus deixa muitas questões em aberto, Covenant também seguirá o mesmo preceito.

Essa estratégia parece ser um pouco arriscada quando consideramos as criticas negativas que Prometheus recebeu. Ora, se todos imaginavam que Alien: Covenant não seria uma continuação deste, por qual motivo faria justamente o que ninguém esperava? É justamente nesse conceito que devemos embasar o segundo fato sobre o novo filme: ele será bem diferente de Prometheus.

Alien: Covenant | Xenomorfo ataca em novo trailer do filme

Também é Huffman que nos garante isso. Ainda à Slash Film, ele comenta que “[Ridley Scott] quer fazer outro [filme] porque viu que existem outros longas da franquia que não atentem às expectativas, que não deveriam ser feitos”, o produtor comentou. “Ele ouviu as críticas a Prometheus, atingindo ele em cheio. Então daremos o que o público quer. Querem mais alienígena? Você terão muitos alienígenas”, Huffman promete.

Ele também comentou que antes da produção do filme arregaçar as mangas e começar o trabalho, foi realizada uma pesquisa com o público que assiste Alien para saber o que o público esperava, de fato, de mais um filme da franquia. Assim, eles puderam descobrir onde poderiam fazer alterações e quais os pontos que deveriam manter.

Se mesmo assim você ainda está são superou Prometheus e está genuinamente preocupado com as possíveis alterações que Soctt pretende em Covenant, saiba que muito provavelmente essas mudanças vão ser para melhor. Afinal de contas, a primeira decisão foi que o universo Alien Vs. Predador seria finalmente ignorado.

Xenomorfo de Alien: Covenant
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio