Homem de Ferro de volta? Reboot de Game of Thrones? Petições de fãs são uma ideia terrível

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

As petições de fãs pedindo por mudanças em filmes e séries populares estão se tornando cada vez mais frequentes nos últimos anos. Abordando diferentes tópicos, elas já provaram ser eficazes em certos casos, como foi com a recontratação de James Gunn para a direção de Guardiões da Galáxia Vol. 3.

Dito isso, a maior parte delas permanece não surtindo qualquer efeito, servindo apenas para atrair atenção da mídia e, claro, para demonstrar o grau de instatisfação dos fãs acerca de determinado assunto.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Vimos essa manifestação de instatisfação recentemente com o término de Game of Thrones, que motivou a criação de um abaixo-assinado pedindo pelo remake da temporada final da série (com roteiristas competentes). Até o presente momento, a petição já ultrapassa um milhão e meio de assinaturas, o que serve como grande indicativo do quanto os fãs detestaram o (péssimo) fim de Game of Thrones.

Mas há casos em que tais petições podem causar mais danos do que bem, especialmente quando a causa é completamente estúpida, como é o caso do abaixo-assinado pedindo pela volta do Homem de Ferro de Robert Downey Jr após seu sacrifício em Vingadores: Ultimato.

Um fim digno

A culminação de tudo que aconteceu no Universo Cinematográfico Marvel, Ultimato fechou com chave de ouro a história de alguns personagens, incluindo Tony Stark, que se sacrificou para salvar o universo, uma prova do quanto o personagem evoluiu desde o primeiro Homem de Ferro.

A petição do Change.org que pede pela volta de Stark, portanto, basicamente pede que toda essa evolução seja jogada no lixo.

“Tony não merecia morrer e não é justo, depois de tudo pelo que ele passou e fez por todos, ele merece viver e ver sua filha crescer”, diz o texto da petição, que mais parece um fã chorando porque algo que ele queria ver não aconteceu.

O fã que criou esse abaixo-assinado, evidentemente, não levou em conta que nem sempre as pessoas têm o que merecem. Se tudo funcionasse assim, Ned Stark também estaria vivo ao término de Game of Thrones, dentre outros personagens.

Ironicamente, estamos diante de duas petições totalmente opostas. Enquanto uma pede para que o final da obra seja consertado, outra pede para estragar plenamente o desfecho. Afinal, o que vimos em Game of Thrones foi, no mínimo, controverso, com mudanças súbitas de personagens e arcos jogados no lixo (vide Jaime Lannister).

Com o Homem de Ferro isso não aconteceu. Tudo que vimos ao longo desses onze anos de MCU levou a isso. O sacrifício de Tony Stark foi seu momento de brilhar. Ele merecia ver sua filha crescer? Claro! Mas ela não cresceria não fosse pelo seu sacrifício.

Fãs birrentos

Assim sendo, é seguro dizer que, enquanto outras petições, como as que pedem pelo remake de Game of Thrones (da última temporada), ou de Star Wars: Os Últimos Jedi, se apoiam na insatisfação acerca das escolhas controversas tomadas pelos roteiros; o abaixo-assinado de Vingadores: Ultimato é uma mera incapacidade de se despedir de um querido personagem – é algo puramente emotivo, que poderia ser comparada à ‘birra’ de uma criança mimada.

É importante que os fãs demonstrem que gostaram (ou não) de certas obras, isso afeta diretamente a indústria e a direção a ser tomada em certas franquias, seja em filmes, séries ou games – vide o caso de Devil May Cry 5, que declaradamente só aconteceu porque os fãs pediram.

Mas também é necessário que essas reclamações sejam reforçadas por argumentos bem formulados, não apenas em declarações como “não gostei”.

Petições como essa envolvendo o Homem de Ferro apenas pintam todos os fãs como crianças ‘birrentas’, enfraquecendo a voz de todos eles em geral. Todos têm o direito de se expressar, mas que pensem um pouco antes de fazer isso.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio