Na semana passada, o presidente da Marvel, Kevin Feige, anunciou que Vingadores: Ultimato teria um relançamento nos cinemas com novas cenas. Na época, a Disney permaneceu quieta sobre o assunto, mas na terça-feira (25), o estúdio confirmou oficialmente a notícia e revelou o que os fãs podem esperar.

Vingadores: Ultimato, narrando a batalha final entre os super-heróis e o vilão Thanos, retornará aos cinemas dos Estados Unidos a partir desta sexta-feira (28). Com essas exibições, o longa-metragem apresentará “uma introdução em vídeo” de Anthony Russo, que comandou a produção com o irmão Joe, e “uma cena inacabada que foi deletada”.

Um pouco mais de Homem-Aranha

Resultado de imagem para spider-man far from home

Com Homem-Aranha: Longe de Casa prestes a chegar aos cinemas em 4 de julho, o relançamento de Vingadores: Ultimato também contará com “uma prévia especial” da produção, dirigida por Jon Watts e estrelada por Tom Holland como Homem-Aranha.


Vingadores: Ultimato já conta com pouco mais de três horas. Com as novas cenas, teremos cerca de sete minutos adicionais. Programe os intervalos para ir ao banheiro!

Nos Estados Unidos, aqueles que comprarem um ingresso também receberão uma arte especial com a Manopla do Infinito usada pelo Homem de Ferro.

“Se você ficar e assistir ao filme, depois dos créditos, haverá uma cena deletada, um pequeno tributo e algumas surpresas”, disse Feige anteriormente ao Screen Rant durante a coletiva de imprensa de Homem-Aranha: Longe de Casa, em Londres.

Disputa com Avatar

Resultado de imagem para avatar avengers

Com US$ 2,75 bilhões arrecadados desde sua estreia, Vingadores: Ultimato é atualmente a segunda maior bilheteria mundial de todos os tempos. O relançamento parece uma tentativa de destronar Avatar, o primeiro colocado.

O longa de James Cameron estreou em dezembro de 2009. De maneira parecida com Vingadores: Ultimato, relançamento contendo cenas estendidas aconteceu em 2010 e elevou seu total para US$ 2,788 bilhões.

No entanto, a Disney agora também é dona da franquia Avatar, graças à aquisição da Fox pelo estúdio. Então… é realmente uma competição?

Em maio, quando Vingadores: Ultimato superou o recorde de bilheteria estabelecido por Titanic, Cameron reagiu com bom humor.

“Para Kevin e todos na Marvel, um iceberg afundou o verdadeiro Titanic. Precisaram dos Vingadores para afundar meu Titanic”, escreveu o cineasta em uma declaração compartilhada no Twitter. “Todos aqui na Lightstorm Entertainment saúdam sua incrível conquista. Vocês mostraram que a indústria cinematográfica não está apenas viva e bem, mas também maior do que nunca!”

Sem dúvidas, se o público ajudar Vingadores: Ultimato a ultrapassar Avatar, a Marvel iria “amar mil milhões”.