Os três primeiros filmes de Toy Story transformaram os brinquedos criados pela Pixar em alguns dos personagens mais queridos do Cinema. Cada filme deu a devida atenção a certos personagens, com Woody e Buzz, claro, sempre em destaque.

Toy Story 4, no entanto, desaponta ao desperdiçar as histórias individuais desses personagens, à exceção de Woody e Bo Peep, a tal ponto que até mesmo Buzz é reduzido ao alívio cômico do filme.


Os brinquedos secundários

A maior parte do elenco de apoio da franquia foi introduzida já no primeiro Toy Story. Rex, Cabeça de Batata, Slinky, dentre outros ganharam personalidades bem diferenciadas já no longa inaugural da série, que também definiu a amizade entre eles.

O segundo filme se aprofundou ainda mais nesses personagens, acrescentando a Sra. Cabeça de Batata, Jessie e Bullseye ao grupo. Jessie, em particular, recebeu bastante atenção, com sua história que gira em torno do medo do abandono. Aliás, a missão de salvar Woody em Toy Story 2 nos proporcionou com alguns dos melhores momentos do filme.

Até mesmo no dramático terceiro filme esses personagens receberam a devida atenção, com o relacionamento deles ficando claro no clímax da obra, até chegarmos à triste despedida de Andy – que deveria ter sido o fim da franquia.

Os novos brinquedos

Já em Toy Story 4, os coadjuvantes são basicamente jogados para o escanteio, com a introdução de novos brinquedos. Mas, ao invés de simplesmente adicionar novos rostos ao elenco, eles evidentemente funcionam como substitutos de personagens introduzidos anteriormente.

Enquanto que Woody e Garfinho lidam com a trama principal do filme, Buzz fica em segundo plano em uma história que funciona mais para gerar risadas do que qualquer outra coisa. Já os outros brinquedos também não recebem a atenção que merecem, visto que o filme foca mais em Trixie e Buttercup. Nenhum deles ganha mais profundidade, ao passo que Toy Story 4 deixa bem claro que não está interessado nesses personagens.

O fim

Isso tudo fica ainda pior se levarmos em conta a conclusão do filme. SPOILERS adiante.

Woody se despede de seus amigos, se juntando a Bo, se tornando um “brinquedo perdido”. Mal vemos a reação dos outros brinquedos ao verem Bo novamente e a despedida entre eles e Woody é curta demais.

Apenas Jessie reage de forma apropriada ao receber a estrela de xerife de Woody.

Com isso, todo o desfecho parece apressado demais, com os novos personagens tomando lugar de momentos dramáticos que poderiam tornar esse filme realmente inesquecível. No fim, o que ganhamos foi um mero epílogo, que não traz um pingo do impacto de Toy Story 3.

Toy Story 4 é um bom filme? Sim. Era necessário? Não.