Depois de anos dando destaque aos Vingadores nos quadrinhos, a Marvel deve enfim recolocar os X-Men em um lugar de destaque a partir de agora. House of X#1, escrita por Jonathan Hickman, Pepe Larraz, Marte Gracia, já parece dar o primeiro passo nesse sentido, dando um novo status quo para os mutantes.

Em um artigo, O CBR discutiu a HQ House of X #1 e como ela muda os X-Men no Universo Marvel para sempre.

Uma nova para os mutantes

Em House of X#1, descobrimos que os mutantes tem uma nova casa agora, a ilha de Krakoa, que serve como base tanto para heróis como para os vilões de X-Men. Com a expectativa de que os mutantes se tornem uma espécie dominante na Terra nos próximos 20 anos, Charles Xavier – que voltou dos mortos – estabelece Krakoa como uma espécie de nação dos mutantes na Marvel.


Para manter a economia de Krakoa funcionando, Charles Xavier está vendendo para o mundo alguns remédios criados à base de flores de Krakoa, que são vendidos em formas de pílula. Esses remédios, que são vendidos em três tipos – Human Drug L, Drug I e Drug M – prometem aumentar a longevidade dos humanos em 5 anos. Com isso, os X-Men conseguem se colocar no topo do mercado, mantendo sua economia forte e se estabelecendo como nação independente.

Outro ponto estabelecido em House of X#1 é a organização The Orchis Protocol, que une membros de todas as já conhecidas organizações do Universo Marvel. Este novo grupo tem como objetivo observar as ações e a influência dos X-Men e dos mutantes no mundo.

No fim, a nova HQ dos X-Men deixa diversas perguntas no ar. Por quê Xavier está vendendo drogas que aumentam a longevidade dos humanos? O que esse novo grupo, The Orchis Protocol quer de verdade? Por quê vilões dos X-Men estão se juntando à eles em Krakoa? Tudo indica que essa nova etapa dos X-Men da Marvel deve ser bem interessante…

House of X #1 já está disponível.