Um dos momentos mais fofos da D23 foi o lançamento do primeiro trailer do remake live-action de A Dama e o Vagabundo. A prévia conseguiu mostrar que o novo filme consertou alguns dos aspectos mais criticados do novo O Rei Leão.

Dirigido por Charlie Bean (LEGO Ninjago: O Filme) e roteirizado por Andrew Bujalski (Computer Chess), A Dama e o Vagabundo vai recontar a história de dois cachorros bem diferentes que acabam se apaixonando.

A maior diferença entre A Dama e o Vagabundo e O Rei Leão é o fato do novo filme utilizar um elenco canino real ao invés de construções em CGI.


Críticas

Um dos aspectos mais criticados no remake de O Rei Leão foi o fato de os animais de CGI não conseguirem transmitir emoções tão bem quanto suas contrapartes animadas.

A produção de Jon Favreau fez um excelente trabalho ao produzir animais extremamente realistas em computação gráfica. Porém, o resultado final se aproximou mais de um documentário do que a versão animada original de O Rei Leão.

Por isso, muitos espectadores e críticos não aprovaram as novas caracterizações dos personagens, vistos como “frios” e “sem expressão”.

Resolvendo problemas

Ao utilizar cachorros reais, A Dama e o Vagabundo parece mais real e emotivo. É claro que usar animais de verdade em um filme é bem mais difícil do que inserí-los digitalmente. É por isso mesmo que os personagens de A Dama e o Vagabundo têm expressões tão naturais.

Cachorros são animais expressivos, que conseguem demostrar suas emoções com um olhar. Seria muito estranho se os rostos dos pets continuassem imóveis e sem expressão.

A maior dificuldade nas gravações valerá a pena principalmente em cenas de humor, tristeza e emoção.

É claro que o filme também vai utilizar CGI, mas a computação gráfica virá apenas para alterar digitalmente as bocas dos cachorros para cenas de diálogo. No trailer, a utilização do efeito é perceptível, mas não quebra a ilusão como teria acontecido em O Rei Leão.

Infelizmente, os animais de O Rei Leão eram selvagens, e não poderiam ser treinados para a gravação de um filme.

A Dama e o Vagabundo conta com todas as vantagens ao contar uma história dos melhores amigos do homem.

A Dama e o Vagabundo estreia em 12 de novembro, junto com o lançamento do Disney+. O filme terá Tessa Thompson e Justin Theroux nas vozes dos protagonistas.