Este personagem se tornou o astro improvável de Stranger Things 3

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Depois de Barb e Bob nos dois primeiros anos, Stranger Things nos presenteou com mais um herói inesperado em sua 3ª temporada, o cientista russo Alexei (Alec Utgoff).

O personagem fez tanto sucesso com os fãs de Stranger Things que a Netflix se viu obrigada a exaltá-lo ainda mais, divulgando um vídeo de 12 horas de duração em que Alexei toma sua cerveja favorita – você pode conferir esse vídeo ao final do post.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Inicialmente apresentado como um aparente “vilão”, Alexei acaba se tornando um dos alívios cômicos mais efetivos da 3ª temporada de Stranger Things, já que ao longo da temporada ele se revela como um homem gentil e doce, totalmente diferente da primeira impressão que os espectadores tiveram dele.

Em um artigo, o CBR discutiu a jornada e o destaque inesperado que Alexei teve em Stranger Things 3.

Alexei, o gentil

Interpretado pelo ator ucraniano Alec Utgoff, Alexei é o típico herói inesperado que recebe um final trágico que Stranger Things tanto gosta de explorar.

Na primeira temporada de Stranger Things tivemos Barb, a amiga de Nancy que é vítima do Demogorgon; na segunda tivemos Bob, o namorado de Joyce que se sacrifica para salvá-la; e na terceira temporada temos Alexei, o cientista russo que morre simplesmente porque decidiu viver sua vida intensamente pela primeira vez.

O arco de Alexei segue a típica jornada de redenção de um antagonista, que começa a história do lado errado, muda suas ideias e acaba indo para o lado considerado “bom”. Porém, a jornada de Alexei em Stranger Things 3 também tem um “quê” de tragédia grega, já que o destino trágico do personagem está traçado desde o momento em que ele trai os russos.

Fica claro que a intenção dos Irmãos Duffer, criadores de Stranger Things, é utilizar o personagem de Alexei para criticar sistemas autoritários e a opressão que eles exercem em seus subordinados.

Obrigado a abrir o portal para o Mundo Invertido, Alexei é colocado em uma situação extremamente abusiva de trabalho constante para a União Soviética – que são os misteriosos vilões de Stranger Things – que o insere em um sistema autoritário que suprime sua personalidade e impede que ele tenha qualquer tipo de descontração ou vida fora daquela bolha.

Essa opressão constante é evidenciada logo no início da temporada, quando o supervisor de Alexei é assassinado brutalmente no prólogo de Stranger Things 3, simplesmente por ter falhado em abrir o portal para o Mundo Invertido.

Porém, quando Alexei – o novo encarregado de abrir o portal – é capturado por Hopper no meio de Stranger Things 3, os verdadeiros traços de sua personalidade começam a aparecer, já que ele se vê livre das amarras daquele sistema opressor.

Ao descobrir as maravilhas da liberdade em coisas simples – como doces e bebidas – Alexei decide trair seu país, escolhendo viver uma vida mais livre e pacífica, longe dos planos ambiciosos dos russos de Stranger Things.

Fatalmente, ele acaba pagando por isso e sendo morto, mas é interessante como os Irmãos Duffer conseguiram contar uma história tão complexa e emocionante nas entrelhinhas, utilizando um personagem tão secundário como Alexei. Esperamos que a 4ª temporada de Stranger Things continue explorando bem seus personagens secundários.

Todas as temporadas de Stranger Things estão disponíveis na Netflix.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio