Quanto dinheiro Tony Stark gastou sendo Homem de Ferro no MCU?

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Desde que o primeiro filme do Homem de Ferro foi lançado em 2008, especialistas do mundo inteiro sempre se perguntaram: Quanto custa para ser o Homem de Ferro?

Afinal, as tecnologias das Indústrias Stark certamente não são baratas e só um multi-bilionário como Tony conseguiria financiar todos os equipamentos que o transformam em Homem de Ferro.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O Looper fez um apanhado de todos esses estudos e descobriu quanto dinheiro Tony Stark gastou sendo o Homem de Ferro na Marvel.

Gênio, bilionário, playboy, filantropo

Em 2010, durante o período em que Homem de Ferro 2 foi lançado, uma pesquisa feita pelo site io9 revelou que seriam necessários US$ 100 milhões para Tony Stark ser o Homem de Ferro. Porém, esses dados não são muito exatos, já que eles desconsideram o custo de produção e o valor das armas dos trajes do herói.

Depois do lançamento de Os Vingadores, em 2012, a MoneySupermarket.com chegou a números bem superiores aos já citados, afirmando que seria necessário algo em torno de US$ 1,6 bilhão para Tony Stark se tornar o Homem de Ferro. Esse valor considera não só o traje – e as armas desta vez – mas também a mansão e a coleção de carros do bilionário.

O mesmo site chegou a números completamente diferentes em 2013, calculando que os sete trajes do Homem de Ferro custariam algo em torno de US$ 7 bilhões. O problema é que esse cálculo está bem errado, já que em 2013 – durante Homem de Ferro 3, o herói já teria mais de 40 trajes, que custariam, seguindo essa lógica, algo em torno de US$ 30 bilhões.

Porém, em 2017, a empresa especializada em finanças pessoais, Coinage, Time Inc, chegou em números completamente diferentes. Para eles, Tony Stark gastaria US$ 8,4 bilhões anuais para ser o Homem de Ferro.

Afinal, existe um valor exato para ser o Homem de Ferro?

No fim das contas, existem muitas variáveis aqui que alteram o valor final. Ninguém sabe ao certo qual seria o valor da Base dos Vingadores – aquela destruída ao final de ‘Ultimato’ nem mesmo o valor de todos os satélites que o Homem de Ferro possui. Além disso, temos também o custo de manutenção, que raramente é calculado nesses levantamos.

Podemos afirmar com certeza no fim das contas que ser o Homem de Ferro custou alguns bilhões para Tony Stark por ano. O que já é o suficiente para mostrar ele, e apenas ele, poderia financiar toda essa brincadeira de ser herói.

O Homem de Ferro pode ser visto em Vingadores: Ultimato, que já está disponível em sua versão digital.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio