Marvel pode diminuir a importância do Homem-Aranha no MCU? Explicamos

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Depois de toda a negociação entre Sony e Marvel, o Homem-Aranha retornou para o MCU, mas será que essa “paz” vai durar para sempre? E se a Sony decidir tirar o Homem-Aranha do MCU novamente?

Por isso, muita gente acha que a partir de agora, a Marvel vai reduzir a participação do Homem-Aranha do MCU, evitando que sua franquia fique dependente do herói. Mas como será que isso pode acontecer? Será que os planos do MCU serão mudados?

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em um artigo, o CinemaBlend falou sobre como o Homem-Aranha pode perder o destaque no MCU.

Homem-Aranha em “Longe de Casa”

Em Homem-Aranha: Longe de Casa, Peter Parker se torna um dos heróis mais importantes da franquia. Ao receber EDITH – tecnologia de Tony Stark – o herói se torna uma espécie de substituto do Homem de Ferro dentro desse universo.

Porém, com a instabilidade da relação com a Sony, a Marvel pode alterar seus planos e colocar o Homem-Aranha em um papel um pouco mais secundário.

Com a revelação de sua identidade secreta no final de “Longe de Casa”, a Marvel pode usar essa oportunidade para isolar o Homem-Aranha dos Vingadores principais, desviando-o do caminho natural, que era de se tornar um dos líderes da nova geração de heróis.

Por que diminuir a importância do Homem-Aranha é uma boa ideia?

Colocar o Homem-Aranha em um lugar secundário seria uma boa jogada por parte da Marvel. Com isso, ela tira o poder de negociação da Sony e se torna menos dependente do personagem, que como já foi dito, tem uma certa instabilidade em sua permanência no MCU.

Uma forma de fazer isso e ainda manter o Homem-Aranha na franquia seria isolá-lo em outra realidade. Com o multiverso sendo explorado, a Marvel poderia separar Peter Parker dos outros heróis, utilizando-o quando conveniente e automaticamente justificando sua ausência quando necessário.

O outro lado: Tirar o destaque do Homem-Aranha também pode ser uma péssima ideia

Existe um motivo para a Sony e a Marvel brigarem pelo Homem-Aranha: Ele é um dos heróis mais populares e bem sucedidos de todos – se não for o maior.

Será que é um bom negócio para a Marvel abrir mão do Homem-Aranha dessa forma? O personagem tem sido muito elogiado, e seu intérprete Tom Holland é hoje um dos jovens astros mais amados de Hollywood.

Diminuir o espaço do Homem-Aranha no MCU significa abrir mão do herói que potencialmente é o mais popular da franquia e isso não seria nada lucrativo para a Marvel.

Afinal, qual é a melhor opção?

É difícil prever o futuro e qualquer coisa pode acontecer. O Homem-Aranha pode sair do MCU de novo, Tom Holland pode se enjoar do personagem – ele diz o contrário – e muitas outras coisas podem acabar saindo do controle.

No fim, a Marvel tem que entender que o Homem-Aranha é uma espécie de adendo do MCU e não um personagem totalmente integrado na franquia, ou seja, é sempre bom ter um plano B, caso a Sony decida encerrar o acordo novamente.

A Sony também precisa entender que ter o Homem-Aranha no MCU é o melhor marketing possível para o personagem e que facilitar sua presença na franquia é lucrativo para todo mundo.

Homem-Aranha 3 estreia em 16 de julho de 2021.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio