Por que Zumbilândia 2 levou 10 anos para ser feito?

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nesta semana, os fãs de Zumbilândia finalmente puderam ter a aguardada continuação da comédia de zumbis, com Atire Duas Vezes. Foram exatos 10 anos para que o novo filme chegasse aos cinemas, e sinceramente, aposto que muitos literalmente haviam perdido esperanças de que a Sony Pictures realmente conseguiria reunir o diretor Ruben Fleischer com todo o premiado elenco, mas aconteceu. Porém, por que demorou tanto tempo para o lançamento de Zumbilândia: Atire Duas Vezes?

A ideia de um Zumbilândia 2 vem logo após a finalização do primeiro filme, em 2009. A dupla de roteiristas Rhett Reese e Paul Wernick (que viria a se tornar uma das mais badaladas de Hollywood graças ao sucesso dos filmes de Deadpool) expressou desde o início o desejo de fazer mais filmes, com a ideia de transformar as aventuras de Columbus e seus amigos em uma longa franquia. O roteiro, inclusive, começou a ser trabalhado na época do primeiro filme, com muito apoio do astro Woody Harrelson, que afirmou à dupla que “nunca antes havia desejado uma continuação de um de seus filmes” como fez com Zumbilândia.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em 2010, os astros Jesse Eisenberg e Harrelson haviam confirmado retorno para a continuação, e o estúdio brincava com a ideia de realizar o novo filme em 3D – visto que Avatar havia iniciado essa onda que dura até hoje. O diretor Ruben Fleischer também estava a postos para retornar, revelando que ele e os roteiristas pensavam em mais uma participação especial bombástica, para rivalizar com a antológica cena de Bill Murray no original.

Elenco disputado

Mas o tempo foi passando, e muita coisa aconteceu nesse período. No mesmo ano em que Zumbilândia chegou aos cinemas, Woody Harrelson foi indicado ao Oscar de Melhor Ator Coadjuvante por O Mensageiro, lhe dando um status mais valioso na indústria. No ano seguinte, Jesse Eisenberg seria indicado por A Rede Social, e também assinaria para ser o Lex Luthor de Batman vs Superman: A Origem da Justiça.

Já Emma Stone ficou atarefada com seu papel como Gwen Stacy em O Espetacular Homem-Aranha e rapidamente se tornou uma queridinha da Academia, sendo indicada ao Oscar por Birdman e saindo vitoriosa por La La Land: Cantando Estações. Em outras palavras: o elenco de Zumbilândia agora é mais caro e disputado, como também era o caso de Abigail Breslin, indicada ao Oscar por Pequena Miss Sunshine – mas sem uma carreira tão agitado quanto seus colegas de cena.

A fracassada série de TV

Enquanto a Sony não anunciava oficialmente a continuação de Zumbilândia, a saga de zumbis encontrou uma alternativa que no papel poderia funcionar: uma série de TV. Reese e Wernick escreveram um piloto que seria então bancado pela Amazon Studios, mas que trazia um gigantesco diferencial: nenhum dos membros do elenco do filme retornava. E não tínhamos novos personagens, mas sim atores diferentes nos papéis de Columbus, Tallahassee, Little Rock e Wichita. 

O resultado foi desastroso. Por mais que a dupla de roteiristas estivessem de volta, o público rejeitou por completo o novo elenco, além da trama do episódio piloto contar com uma recriação pouco inspirada do que já fora apresentado no filme de 2009. A série foi cancelada após apenas um episódio, em 2013.

Mas foi mesmo em meados de 2017 que a Sony enfim entrou nos eixos para reunir todo o elenco com o diretor Ruben Fleischer, que ganharia ainda mais renome no estúdio após o sucesso de Venom.

Zumbilândia: Atire Duas Vezes já está em exibição nos cinemas.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio