O Arrowverso finalmente está recebendo uma série do Superman na forma de Superman e Lois, mas a DC realmente fez a melhor escolha para um programa sobre o Homem de Aço? O novo programa do Superman é uma oportunidade perdida que poderia ter explorado a versão do Reino do Amanhã de Clark Kent, interpretada por Brandon Routh.

Aparentemente, Arqueiro Verde e as Canárias não é o único novo programa do Arrowverso. Foi relatado na semana passada que Tyler Hoechlin e Elizabeth Tulloch irão reprisar seus papéis como Clark Kent e Lois Lane no derivado do Arrowverso, Superman e Lois.

A série se concentrará nas vidas de Superman e Lois, à medida que lidam com as complexidades que advêm da paternidade. Hoechlin interpretou Superman pela primeira vez na segunda temporada de Supergirl, com Tulloch assumindo o papel da jornalista mais famosa da DC Comics no crossover “Elseworlds” do ano passado.


Outro Superman de destaque

Uma série do Superman ambientada no Arrowverso é algo que os fãs pedem há um tempo, mas considerando o que a CW planeja fazer com o Homem de Aço em “Crise nas Infinitas Terras”, vale a pena se perguntar se um Superman diferente poderia ter recebido sua própria série. “Crise” contará com três versões de Clark Kent: Hoechlin, Routh e Tom Welling, de Smallville.

O mundo do Superman de Hoechlin já foi parcialmente explorado. Supergirl já apresentou Jimmy Olsen, Lex Luthor, General Zod, Metallo, Mister Mxyzptlk e outros personagens associados aos quadrinhos do Superman – para muitos desses personagens, suas histórias foram contadas.

A ambientação de Reino do Amanhã é mais instigante

Um programa sobre um Superman diferente não se apoiaria muito em Supergirl e permitiria que a série começasse do zero quando se trata de construção de mundo. Talvez o caminho mais interessante que o programa pudesse ter seguido fosse seguir o personagem de Brandon Routh.

Em “Crise”, Routh está interpretando o Superman do Reino do Amanhã, que pode ou não ser uma versão mais velha do Clark Kent de Christopher Reeve. Se esse fosse o caso, teria explicado por que Brandon Routh está deixando Legends of Tomorrow, outra série da DC.

O Superman do Reino do Amanhã vive em uma linha do tempo em que uma nova geração de “heróis” egoístas e moralmente questionáveis ​​tomou o lugar do Superman e da Liga da Justiça, que se aposentaram por estarem desiludidos com o estado do mundo e como as pessoas agora encaram o crime. Mas, eventualmente, Superman sai da aposentadoria para reformar a Liga da Justiça e voltar à ação.

Uma série do Superman em um ambiente tão sombrio certamente seria algo novo e inesperado para o grande escoteiro, bem como uma nova adição bem-vinda ao Arrowverso. Que chance perdida, DC!