Vingadores: Ultimato foi um dos grandes eventos cinematográficos de 2019. Além de contar com a maior bilheteria do ano, o longa conseguiu dar um final épico para a Saga do Infinito, que culminou com a batalha entre os Vingadores e Thanos.

No entanto, de acordo com um artigo do site Screen Rant, a batalha final de Vingadores: Ultimato conta com um furo no roteiro relacionado às viagens no tempo.

Confira abaixo o argumento apresentado pelo Screen Rant e tire suas próprias conclusões!


Os Mestres das Artes Místicas

Segundo o Screen Rant, o problema da batalha final de Vingadores: Ultimato se encontra nos Mestres as Artes Místicas. Este antigo grupo de magos sempre se considerou protetor da realidade em si, defendendo sempre o mundo de ameaças do Multiverso.

“Nós canalizamos a energia de outras dimensões do Multiverso”, explica a Anciã para o Doutor Estranho.

Os Mestres das Artes Místicas desempenharam um papel importante em Vingadores: Ultimato, sob a liderança do Doutor Estranho. Eles trouxeram os heróis de volta ao campo de batalha com os portais mágicos.

No entanto, de acordo com o Screen Rant, eles poderiam ter feito muito mais. O site afirma que os personagens poderiam ter utilizado um portal para enviar a Manopla para outro lugar, o que impediria o controle de Thanos. E qualquer um deles poderia ter feito isso, não apenas o Doutor Estranho.

Volta no Tempo

De acordo com o Screen Rant, o suposto furo no roteiro piora ainda mais quando os Vingadores enviam as Joias de volta para suas respectivas linhas do tempo. Os Mestres poderiam ter feito isso, de acordo com o site.

Em Doutor Estranho, Mordo explica que os portais “permitem a viagem pelo Mutliverso”. Em outras palavras, os Mestres podem acessar outras dimensões e planos de existência, incluindo as linhas de tempo diferentes que deveriam ser encontradas pelos heróis.

É possível que a maioria dos Mestres não sabiam que o Reino Quântico poderia ser utilizado para viagem no tempo. Mas o Doutor Estranho com certeza sabia do fato, já que havia presenciado 14 milhões de futuros alternativos.

O motivo

Segundo o Screen Rant, o motivo do Doutor Estranho não ter utilizado a técnica especial pode estar relacionado às visões do personagem.

Ele presumidamente presenciou as linhas do tempo nas quais utilizou os Mestres e percebe que elas não garantiriam o sucesso da empreitada.

O site ainda afirma que os roteiristas do MCU parecem ter se esquecido dos poderes dos Mestres e da utilização dos portais mágicos, porém esta é uma opinião particular do próprio Screen Rant.

E você, o que acha?