O universo Dragon Ball tem muitos personagens poderosos, mas no meio de todos eles, há um humano que compensa todo o talento dos outros com sua persistência.

Goku é um personagem interessante, mas Kuririn, o terráqueo que se supera a cada saga de Dragon Ball, é de longe o personagem mais fascinante da franquia.

Sim, atualmente, Kuririn não possui a força que os outros protagonistas de Dragon Ball possuem, mas isso não diminui a importância que o herói teve e continua tendo.


Em um artigo, o CBR falou sobre Kuririn, o personagem mais interessante de Dragon Ball.

O último homem

Ao longo da franquia Dragon Ball, o poder dos personagens vai escalando de uma forma impressionante.

Quando chegamos ao final de Dragon Ball Z, fica evidente que Sayajins como Goku, Vegeta e Gohan são muito superiores aos outros, mas Kuririn surge como uma exceção, já que ele é o único humano que continua relevante entre os Guerreiros Z.

Por não ter o nível de poder imenso de seus aliados, Kuririn busca utilizar técnicas que distração/fuga para conseguir participar das batalhas. Ou seja, Kuririn se adapta para sobreviver em um mundo hostil.

Kuririn já morreu mais de uma vez em Dragon Ball, e ele sabe o que isso significa. As Esferas do Dragão só podem ressuscitar uma determinada pessoa em apenas uma ocasião, portanto, é evidente que Kuririn entende o peso de sua mortalidade, o que gera uma tensão em torno do personagem, que quer evitar ser morto a todo custo.

Mesmo assim, Kuririn continua usando suas habilidades para ajudar os Guerreiros Z. Bulma, outra humana, oferece ajuda tecnológica, mas personagens como Yamcha e Tenshinhan acabam se tornando coadjuvantes ao longo das sagas de Dragon Ball. Apenas Kuririn continua aparecendo no centro dos conflitos.

O primeiro amigo de Goku

Um dos motivos pelo qual Kuririn continua sendo relevante em Dragon Ball, mesmo sendo mais fraco do que os outros Guerreiros Z, é sua amizade com Goku.

Por ter sido o primeiro amigo/rival do protagonista, Goku é um dos personagens mais antigos da franquia. Isso significa que ele tem um peso emocional muito grande para a história, especialmente para os fãs mais antigos.

Sua relação com a Andróide 18 e a criação de uma família também são pontos importantes, que estabelecem uma virada para o personagem de Kuririn, que agora busca uma vida mais pacífica.

Mesmo assim, Kuririn continua participando dos grandes eventos do universo Dragon Ball, e sua presença é muito bem-vinda. Tudo isso o torna um dos personagens mais fantásticos de toda a franquia.

O anime de Dragon Ball Super está em hiato, mas o mangá continua em produção no Japão.