Nas HQs de The Walking Dead, a chegada do vilão Negan foi um dos momentos mais esperados pelos fãs. Na série de TV, no entanto, a introdução do personagem de Jeffrey Dean Morgan não foi tão bem recebida pelos espectadores.

Após várias matérias que afirmavam que a queda de audiência de The Walking Dead se acentuou com a chegada de Negan, a AMC finalmente se pronunciou sobre a suposição.

Confira o que foi dito abaixo!


Confissão

Em entrevista ao site Cinema Blend, a presidente da AMC falou sobre a reação dos fãs à chegada de Negan em The Walking Dead. Sarah Barnett admitiu que a série perdeu espectadores após a introdução do vilão, e declarou que o personagem é “irremediável” para grande parte do público.

“Nós fizemos vários estudos sobre a resposta dos fãs, e definitivamente tiramos algumas conclusões. É verdade dizer que Negan se tornou irremediável aos olhos dos fãs. A intenção por trás do personagem foi esperta, criativa e bem pensada. Porém, isso acabou levando a série para um lugar desconfortável para os fãs, mostrando muitas coisas que ninguém queria vez”, confirmou Barnett.

A jornada de Negan

Negan foi introduzido em The Walking Dead como o responsável pelas mortes de dois personagens queridos pelo público: Abraham e Glenn. Subsequentemente, os atos do vilão causaram uma grande guerra com o grupo de Rick.

Na época, a série poderia muito bem ter matado Negan, porém a AMC decidiu manter o personagem e adaptar alguns dos outros arcos do vilão tornado anti-herói das HQs.

Como resultado disso, Negan deixou de ser um grande vilão e começou sua jornada de redenção aos olhos do público, ficando amigo e protegendo Judith e Lydia. Agora, é possível que o personagem conquiste os espectadores de vez ao cumprir uma de suas maiores funções das HQs: matar Alpha.

Jeffrey Dean Morgan revelou ao site The Inquisitr que adoraria atuar em um filme sobre o passado de Negan. Até agora, a AMC não tem planos para esse projeto.

The Walking Dead retorna em 23 de fevereiro.