Quem financia os Vingadores? Muitos fãs da Marvel sempre tiveram esse questionamento em mente e agora, o estúdio decidiu responder essa pergunta de uma vez por todas.

No canal oficial da Marvel Entertainment no Youtube, todas as questões relacionadas ao lado financeiro dos Vingadores foram finalmente respondidas. Vamos falar sobre cada uma delas!


Quem paga pelos danos?

Em combates contra vilões, tanto nos quadrinhos quanto nos cinemas, os Vingadores costumam causar danos colaterais pela cidade, ou seja, casas, prédios, carros e empresas são destruídos para impedir um “dano maior”.

Mas quem paga por esse prejuízo? Segundo a Marvel, no geral são os pagadores de impostos, ou seja, o próprio governo utiliza o dinheiro dos cidadãos para reformar as cidades após grandes combates.

Porém, existem casos especiais em que membros bilionários dos Vingadores, como Tony Stark/Homem de Ferro e T’Challa/Pantera Negra, pagam a reforma das cidades danificadas.

Quem paga as contas?

Essa pergunta foi respondida na HQ “Vingadores #11”, que explica que para pagar os custos operacionais dos Vingadores, Tony Stark criou a organização Maria Stark, que utiliza o nome da mãe do herói, para doar os fundos necessários para o grupo de heróis da Marvel.

A ONU também financia os Vingadores, já que eles oferecem proteção para todo o planeta.

Nos quadrinhos da Marvel, quando Tony Stark morre – e se transforma em um ser de inteligência artificial – é T’Challa, o Pantera Negra, quem assume a responsabilidade de pagar os compromissos dos Vingadores.

Qual é o salário dos Vingadores?

Na verdade, eles simplesmente não recebem salário. De acordo com a Marvel, o trabalho dos Vingadores é considerado um serviço público e não uma profissão regulamentada de fato.

Dito isso, é claro que existem algumas exceções. Robbie Reyes, o atual Motoqueiro Fantasma da Marvel, recebe um salário mensal dado pelo Pantera Negra, que cuida do sustento do herói e de sua família.

Com exceção de Reyes, todos os outros Vingadores possuem ocupações extra que dão a eles os recursos monetários necessários. A Mulher-Hulk é advogada, a Vespa é uma consultora de moda e o Capitão América certamente deve receber uma pensão militar por seus serviços prestados.

No fim, ser um dos Vingadores não é um emprego lucrativo e sim uma forma de servir a sociedade e protege-la.