Michonne merecia uma despedida MUITO melhor em The Walking Dead

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Recentemente, The Walking Dead perdeu outra personagem importante com a saída de Michonne (Danai Gurira).

A saída foi aguardada por algum tempo, no entanto, já que Gurira vem ficando popular há anos. Desde os filmes da Marvel até a exibição de sua própria série (Americanah para HBO Max), não foi surpresa que ela largasse a série que deu início a sua carreira.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Mas havia muita especulação sobre como ela poderia sair, e o resultado final definitivamente não foi uma das coisas imaginadas pelo público do programa.

No episódio, intitulado “What We Torn”, acompanhamos Michonne viajando para uma ilha em busca de armas para seu povo. Ela é tomada como refém por seu guia proposto, Virgil, e recebe chá psicodélico.

O chá causa alucinações, incluindo uma visão assustadora do fantasma de Siddiq.

Visão de uma realidade alternativa

Além disso, ela imagina um mundo em que nunca salvou Andrea, levando-a por um caminho solitário até encontrar Negan e os Salvadores, que a acolhem. A viagem de pesadelo termina com Michonne segurando o bastão de Negan na infame fila.

Em vez de bater em Rick com o bastão, a pessoa mais provável que ela destruiria nesse cenário, ela mata a versão real de si mesma – que está lá simultaneamente.

Eventualmente, Michonne escapa e descobre que Rick ainda está vivo, em algum lugar lá fora. Isso a leva a se aventurar no norte em busca dele, dizendo à filha que ela ligará o mais rápido possível no walkie-talkie.

A conversa que ela tem com Judith é calma e adorável e termina com Michonne procurando por seu único amor verdadeiro. E, no entanto, o episódio deixou muito a desejar.

Os fãs que conhecem Michonne e seguiram sua jornada desde o início, têm uma profunda noção do quanto sua família significa para ela. Em vez de esse ser o foco central desse episódio, nos levou a um caminho sem sentido e uma participação especial não digna de um personagem tão titânico.

Embora a série tenha feito um bom trabalho na reformulação de cenas de episódios anteriores, deveria ter havido um esforço maior para que os personagens integrantes da história de Michonne estivessem lá: Rick Grimes (Andrew Lincoln) e Carl Grimes (Chandler Riggs).

Figuras que fizeram falta

Esses dois personagens literalmente a mudaram para melhor. Foram eles que a fizeram dar as costas a uma vida de solidão.

Existe pouca dúvida, dado o nível de admiração que os dois atores têm por Gurira, que eles considerariam voltar para nos mostrar uma realidade alternativa que Michonne talvez não estivesse tão interessada em sair. Uma onde Carl vivia, e ele e Rick estavam por perto para ver o nascimento de RJ.

O que os fãs queriam, talvez, era um flashback da dor de Michonne pela perda de Rick, outro momento que foi omitido na série, e como ela finalmente perseverou em prol dos filhos. Uma realidade idílica ou flashbacks reais do que não tínhamos visto teriam sido preferíveis a ver Michonne como Salvadora, culminando no domínio de Lucille, o que foi, no final das contas, nada assombroso.

Havia tantas coisas que deveriam ter sido mostradas e não foram. Até a sequência estelar de luta de Michonne é cortada para mostrar Virgil lutando contra alguns zumbis. Embora conhecida por sua espada, o que ela mais reverencia é o papel de mãe.

Merecia mais

É importante notar que, muitas vezes, as personagens parecidas com Michonne são desumanizadas e bidimensionais. Mas Michonne era rica em emoção e coração, e isso também é importante para sua história.

O núcleo de quem ela é dificilmente é mostrado. Ao contrário, fica confuso por personagens secundários e uma circunstância um tanto artificial.

Pior ainda foi seu adeus sem brilho aos filhos. RJ teve a sorte de estar na mesma sala que Judith, no mesmo local, mas e se não estivesse?

Teria sido demais vê-la abraçar seus filhos uma última vez?

Enquanto a saída de Michonne não era ruim, foi medíocre na melhor das hipóteses. Tanto o público quanto a personagem mereciam mais.

Talvez, se Michonne aparecer nos filmes de Rick Grimes, algo disso possa ser retificado. Possivelmente.

A décima temporada de The Walking Dead continua em exibição.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio