Péssima ideia? The Walking Dead copiou metade da temporada final de Game of Thrones em apenas UM capítulo

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Contém spoilers!

O mais recente episódio de The Walking Dead reflete de perto a primeira metade da oitava temporada de Game of Thrones. A série atual de The Walking Dead gradualmente aumentou as tensões entre os mocinhos e os Sussurradores e, finalmente, nenhum dos lados aguenta mais o outro.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Alpha tomou sua horda gigante de zumbis e está mirando Hilltop, deixando a comunidade esgotada para se preparar para a batalha, com muito desse acúmulo ocorrendo em “Morning Star”. The Walking Dead já traçou paralelos com Game of Thrones recentemente, em grande parte graças às cenas em cavernas, que atraíram reclamações por serem muito escuras, assim como a Batalha de Winterfell de Game of Thrones.

A temporada final de Game of Thrones é criticada regularmente por ficar aquém das glórias passadas, e em apenas 6 episódios, também é lamentavelmente curta. Nos três primeiros episódios da oitava temporada, muito tempo foi gasto no norte, com Jon Snow, Daenerys Targaryen e seus vários aliados se preparando para o Rei da Noite que se aproximava e seu exército de Caminhantes Brancos.

A longa batalha ocorre no terceiro episódio, “The Long Night”, com os dois anteriores fornecendo a configuração, além de destacar os principais eventos em outros lugares do mundo de Westeros.

Há uma série de semelhanças entre “Morning Star” de The Walking Dead e os três primeiros episódios da oitava temporada de Game of Thrones. Primeiro, há a configuração básica de diferentes partes que chegam para se juntar à batalha contra um grande inimigo, com o objetivo de defender um fortaleza dos invasores.

Em Game of Thrones, as casas do norte e ex-membros da Patrulha da Noite chegam, e em The Walking Dead, Aaron aparece com Gamma, Judith e outros. Também vale a pena notar que tanto os Sussurradores quanto os Caminhantes Brancos usam os mortos reanimados como soldados de infantaria.

Antes da batalha, os refugiados de Daryl recebem um aviso terrível quando se deparam com dois zumbis pendurados deixados pelos Sussurradores, e isso ecoa a estranha espiral de sangue e tripas feita pelos Caminhantes Brancos durante sua marcha para o sul. Assim como Daryl pega sua jaqueta consertada de Judith, Jorah passa a espada da Casa Tarly antes que a luta comece.

Muitas semelhanças

Os prelúdios das duas batalhas também incluem um ponto de romantismo antes da luta, com Arya e Gendry reacendendo sua centelha em Game of Thrones e Carol fazendo o mesmo com Ezekiel em The Walking Dead. Pouco antes da Batalha de Winterfell, o oprimido nerd de Game of Thrones, Podrick, canta uma balada que toca em segundo plano enquanto os lutadores chegam a um acordo com sua potencial morte iminente.

Pouco antes da Batalha de Hilltop, o azarão nerd de The Walking Dead, Eugene, canta uma música que toca em segundo plano enquanto os lutadores chegam a um acordo com sua potencial morte iminente. Pod fez melhor, como de costume.

Visualmente, as respectivas batalhas de Winterfell e Hilltop tinham muito em comum. Ambas ocorreram durante a escuridão da noite, com o fogo como a principal fonte de iluminação, embora a chama em The Walking Dead tenha vindo dos vilões.

Felizmente, a visibilidade na série da AMC foi uma grande melhoria e a ação foi perfeitamente decifrável. Taticamente, as batalhas ocorreram de maneira muito semelhante, com as primeiras barreiras de defesa para as fortalezas de Hilltop e Winterfell violadas pelo grande volume de mortos-vivos, seguidas por ataques de arqueiros na retaguarda e lutadores solitários lutando entre as chamas.

As comparações são tão abundantes que a oitava temporada de Game of Thrones deve ter sido uma grande inspiração para The Walking Dead quando eles estavam montando a luta final contra os Sussurradores. Será ainda mais fascinante se o momento decisivo da vitória no episódio da próxima semana for uma cortesia de Judith, a jovem que todos disseram que não poderia lutar, já que é Arya quem acaba com o Rei da Noite em Game of Thrones.

No entanto, o espelhamento de The Walking Dead em Game of Thrones talvez faça a execução final da série de fantasia da HBO parecer ainda pior, já que a outra realiza em um único episódio o que Game of Thrones conseguiu em 2 episódios e meio – e The Walking Dead não é exatamente conhecida pelo seu ritmo acelerado.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio