Atenção! Contém spoilers do episódio mais recente de Grey’s Anatomy.

Exibindo sua décima sexta temporada, Grey’s Anatomy tem poucos episódios restantes antes da interrupção devido ao coronavírus. 

Em “Sing it Again”, novo episódio da série, Grey’s Anatomy se prepara para introduzir o ápice da trama de Amelia, Link, Owen e o bebê, com uma situação bastante desconfortável.


Fãs da série sabem que a personagem já está grávida há um bom tempo, e pode dar a luz ao bebê a qualquer momento.

O site TV Line explicou o que aconteceu; confira abaixo!

Alarme falso 

Amelia Shepherd passou o episódio inteiro sentindo as terríveis dores das contrações. A todo momento, a série dava a entender que a hora do parto finalmente teria chegado.

Quando Link conseguiu se encontrar com a esposa, as contrações ficaram ainda mais fortes.

Os dois personagens compartilharam um momento fofo de pânico em que reconheceram que assim que o bebê nascesse, eles nunca estariam tão seguros como nesse momento.

Fãs ficaram esperando o parto do bebê de Amelia começar, mas acabaram enganados.

Ao final do episódio, Grey’s Anatomy revela que Amelia estava sofrendo apenas com contrações de Braxton-Hicks, que não representam o início do trabalho de parto, mas são “falsas” e funcionam como um treinamento para o corpo.

Ao descobrir o que havia realmente acontecido, Amelia encara uma difícil realidade do parto: as contrações de Braxton-Hicks, mesmo sendo terríveis, doem menos que as contrações reais.

Grey’s Anatomy exibe sua décima sexta temporada