Sergio: Explicamos o final emocionante do filme da Netflix

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Contém spoilers!

Sergio Vieira de Mello serviu na ONU a maior parte de sua vida e dedicou-se a trazer paz e estabilidade às nações envolvidas em uma guerra ou outra. O filme Sergio enfoca os aspectos pessoais de sua vida.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Equilibra sua ambição profissional, a necessidade de fazer algo de bom, com o desejo de ter uma vida mais calma e tranquila. Chega o momento em que ele tem que decidir entre essas coisas, e é isso que faz toda a diferença.

Se você ainda não assistiu ao filme, acesse a Netflix para conferi-lo.

Resumo da trama

Servindo como diplomata nas Nações Unidas, Sergio viaja para os lugares que exigem sua experiência para acalmar a agitação e estabilizar a situação. Mesmo que ele pretenda dizer não, ele finalmente aceita o trabalho de desempenhar suas funções no Iraque.

As tropas americanas tomaram o país e Saddam Hussein caiu. O trabalho não deve durar mais de quatro meses, mas quando Sergio entra no país, ele percebe que pode ser muito mais complicado do que ele imaginava.

Logo, seu escritório no Canal Hotel é atacado e, enquanto espera ajuda, Sergio se lembra dos melhores momentos de sua vida. O seu primeiro pensamento é Carolina, a quem conheceu no calor de mais uma missão em Timor Leste.

A conexão deles se aprofundou, mas quando a missão terminou, ela exigiu que ele fizesse uma escolha.

O final

Depois de passar algum tempo em Bagdá, Sergio começa a entender que a situação é muito pior do que o que ele esperava anteriormente. Ele obtém acesso a um relatório sobre tudo o que está acontecendo com os habitantes locais e como a presença de tropas americanas está afetando adversamente suas vidas diárias.

A princípio, ele pensa em enviar esse relatório aos seus superiores, mas depois da conversa com Paul, ele decide torná-lo público. Mal terminara de falar sobre isso quando uma explosão de bomba leva o prédio ao colapso.

Ele está preso lá com Gil, e dois soldados, Bill e Andre, tentam ajudá-los. No entanto, o tempo passa e nenhuma ajuda chega de fora.

A situação piora para Sergio e Gil, que estão presos sob os escombros. Para salvar Gil, suas pernas precisam ser amputadas.

Bill e Andre levam-no em segurança, mas quando se trata de Sergio, fica claro que ele não pode ser ajudado.

Mais tarde, vemos os soldados saindo das ruínas, e Carolina percebe que Sergio se foi. Bill entrega algo a ela e não vemos Sergio novamente.

O que aconteceu com ele?

Enquanto o problema de Gil estava na superfície, o de Sergio estava oculto. Ele sofreu sangramento interno, e os soldados não poderiam ajudá-lo, mesmo que quisessem.

O atraso na chegada da ajuda externa, que exigiria a remoção dos destroços para retirar Sergio, foi outro fator que levou à sua morte. Ele havia aceitado muito antes dos soldados descobrirem que ele estava além da esperança.

Anteriormente, vimos que Sergio guardava dois anéis no bolso. Ele pretendia entregar um deles a Carolina, uma vez que estivessem fora de Bagdá.

Ele nunca quis assumir o projeto em primeiro lugar, mas, como estava envolvido nele, não tinha outra escolha. Ele havia decidido que essa seria sua missão final.

Ele queria que essa vida parasse, mesmo que isso significasse desistir da candidatura ao próximo Secretário-Geral. Ele queria se estabelecer com Carolina e voltar para sua casa no Rio de Janeiro.

Dentro dos destroços, quando fica claro para ele que ele não vai sobreviver a isso, ele entrega os anéis a Bill, que os entrega a Carolina.

Mesmo sem ele, Carolina não abandona os planos que haviam feito juntos. Sergio havia lhe contado sobre Arpoador, o lugar onde ele queria começar de novo com ela.

Então, em sua memória, ela vai para lá, segurando o anel que ele queria dar a ela.

Sergio já está disponível na Netflix.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio