Muhammad Ali, lendário boxeador e ex-campeão dos pesados, morreu nesta sexta-feira (3), aos 74 anos, em Phoenix, no Arizona (EUA). A informação foi confirmada pelo porta-voz da família.

Ele, que estava internado desde quinta (2) em função de problemas respiratórios, perdeu uma luta de 32 anos contra o Mal de Parkinson.

Nascido em Louisville em 1942 como Cassius Marcellus Clay Jr. – seu nome mudou para o que todos nós conhecemos após ele ter se convertido ao Islã – Ali é considerado um dos maiores lutadores de todos os tempos e foi o primeiro a ganhar o mundial dos pesos pesados três vezes. Em sua carreira, teve um total de 57 vitórias e apenas 5 derrotas. Ele deixou os ringues em 2007.


Filmes sobre suas façanhas chegaram a ganhar indicações ao Oscar, o documentário When We Were Kings (1996) e a cinebiografia Ali (2001), que rendeu indicação ao Oscar de melhor ator a Will Smith.

O ex-campeão deixa a mulher, Lonnie Williams, e nove filhos.