As ligações das instituições caridosas de Leonardo DiCaprio à escândalos de lavamento de dinheiro na Malásia provocou um artista de rua conhecido como Sabo nos EUA a incluí-lo em uma arte feita inicialmente para criticar a candidata à presidência Hillary Clinton.

Leonardo DiCaprio sofre acidente de carro com a namorada

Na arte, que você pode ver mais abaixo, DiCaprio e Clinton viram uma “máquina de lavar dinheiro” – enquanto as organizações caridosas de DiCaprio foram acusadas de se beneficiar de várias figuras centrais de um escândalo financeiro na Malásia, a fundação Clinton tem aceitado dinheiro de doadores estrangeiros, o que é um ato proibitivo para uma candidata à presidência.


Em entrevista ao The Hollywood Reporter, o artista Sabo disse que tentou pendurar sua arte perto da casa de DiCaprio, mas foi contido por seguranças.