Michael J. Fox (da trilogia De Volta Para o Futuro) foi criticado nas redes sociais por conta de suas recentes declarações sobre deficientes físicos.

Em entrevista ao Hollywood Reporter, o ator causou polêmica ao revelar que aceitou participar da finada série The Good Wife apenas para provar que pessoas com deficiências “também poder ser idiotas”, assim como seu personagem, o advogado Louis Canning.

“Acho que as pessoas no set ficaram supresas com a minha abertura para viver uma pessoa com um problema semelhante ao meu na vida real”, afirmou J. Fox, diagnosticado com o Mal de Parkindon em 1991. “Tive a oportunidade de usar muitas das minhas experiências diárias nesse personagem”, acrescentou.


“Sempre vemos pessoas com deficiências sendo representadas como boazinhas e em contexto bastantes sentimentais, isso é engraçado”, continuou o ator, que foi indicado ao Emmy pelo papel na série. “Eu quis mostrar que também podemos ser idiotas. Queria que as pessoas sentissem empatia, mesmo ele sendo constantemente um babaca. Acho que o coração dele é bom, mas é um sujeito que quer ganhar a qualquer custo”, finalizou.