Ex-marido exige que atriz de Game of Thrones pague custos da batalha judicial pela guarda do filho

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Lena Headey, a Cersei de Game of Thrones, terá que arcar com todas as despesas da batalha judicial pela guarda do filho, segundo o ex-marido da atriz, Peter Loughran.

De acordo com o jornal Daily Mail, que teve acesso aos documentos judiciais, Peter afirma que não pode pagar os custos de 40 mil dólares por não possuir um emprego fixo. O músico então exige que Headey assuma a dívida, já que segundo ele, a atriz recebe o salário de 1 milhão de dólares.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O salário informado pelo ex-marido da atriz é bem superior ao divulgado, pois sites internacionais noticiaram recentemente que Lena e seus colegas de elenco Peter Dinklage (Tyrion Lannister), Kit Harington (Jon Snow), Emilia Clarke (Daenerys Targaryen) e Nikolaj Coster-Waldau (Jaime Lannister) recebiam aproximadamente 500 mil dólares por episódio.

Mas em novembro deste ano, o The Hollywood Reporter publicou uma notícia afirmando que as principais estrelas da série receberam um aumento para a sétima e oitava temporada.

Atriz de Game of Thrones pode ser processada após “sequestrar” o filho

Headey e Lougrhan foram casados entre 2007 e 2011, tendo assinado o divórcio em 2013. Os dois são pais de Wylie Elliot Loughran, de 6 anos, pelo qual lutam pela custódia.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio