Após declarações antissemitas, Mel Gibson fez doações a vítimas do Holocausto em segredo

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Há mais de dez anos atrás, em 2006, Mel Gibson foi preso por dirigir embriagado na Califórnia e agrediu os policiais verbalmente com frases como: “Os judeus são responsáveis por essas guerras no mundo”, e outras ofensas.

Logo após a polêmica, Mel noticiou uma vontade de se retratar, e uma organização chamada Survivor Mitzvah Project entrou em contato com o ator, convidando-o para participar de seu projeto.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Mel tem sido um grande defensor da causa por anos e não simplesmente doa dinheiro e assina cheques”, contou o escritório da organização para o ExtraTV. “Ele também ajudou a angariar fundos convocando outras pessoas para a causa. Ele sente uma grande paixão pela organização”

Mel concorreu ao Oscar de Melhor Diretor este ano por seu filme Até O Último Homem.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio