Anne Hathaway diz ter sido misógina quando trabalhou com a diretora Lone Scherfig

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Anne Hathaway deu uma entrevista surpreendente para Peter Travers no programa ABC News. Questionada sobre seus momentos de aprendizagem na carreira, a atriz revelou seu momento de “misoginia internalizada” (como a própria atriz classificou) quando foi trabalhar com a diretora Lone Scherfig no filme Um Dia, de 2011.

“Eu realmente lamento não ter confiado nela mais facilmente”, iniciou Anne. “E estou até hoje assustada que a razão pela qual eu não confiava nela da maneira que confio em alguns dos outros diretores com quem trabalho é porque ela é uma mulher”, completou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A estrela do filme Colossal ainda confessou que está lutando para mudar. “Quando recebia um roteiro, e via um primeiro filme dirigido por uma mulher, me concentrava no que estava errado com ele. E quando via um filme dirigido pela primeira por um homem, eu me concentrava no que é certo com ele. Só posso reconhecer que fiz isso e não quero mais fazer isso”, lamentou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio