Empresário de Woody Allen acusado de roubar sócios em filmes do diretor

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O empresário de Woody Allen, Stephen Tenenbaum, foi acusado de embolsar secretamente comissões referentes a filmes do famoso diretor, ator e roteirista, deixando de repassar aos sócios parte do retorno a que tinham direito.

O processo foi movido por Dominique Cohen-Brezner, viúva de Larry Brezner. Ela alega que o empresário de Allen embolsou dinheiro que deveria ter sido repassado ao seu ex-marido.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os três foram sócios na MBST Entertainment durante duas décadas. Além de Woody Allen, a empresa agenciava Robin Williams, Billy Cristal e Bette Midler.

Em 2012, Tenenbaum deixou a sociedade e fundou uma nova comopanhia. Allen continuou sendo agenciado por ele. A acusação alega que Tenenbaum utilizou meios fraudulentos para esconder dos sócios o faturamento real dos filmes.

Com informações da Variety.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio