Grupo que cuida das finanças de Johnny Depp diz que ator é um “mentiroso habitual”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Johnny Depp processou em janeiro seu grupo de gestão TMG em US$ 25 milhões, cobrando fraude e negligência. E a situação não deixou os empresários e advogados da empresa satisfeitos. O porta-voz David Shane fez uma série de acusações ao ator nesta quarta-feira, dia 26.

Em entrevista ao Wall Street Journal, Shane afirmou que Depp “é um mentiroso habitual que nega a responsabilidade por sua própria conduta ultrajante” e “tem ele mesmo a culpa por seus problemas financeiros”. O grupo afirma que o ator gastou altas quantias em casas, jatos particulares, arte e recordações, mesmo após alertas da empresa.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Apesar de toda as críticas, o porta-voz do grupo de gestão afirmou que ainda há chance para um entendimento entre as partes e que o grupo ainda deseja ter o astro de Hollywood como cliente. Já que Depp estava “envolvido em todas as decisões comerciais significativas durante os 17 anos que o TMG representou”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio