Johnny Depp se desculpa com Donald Trump por piada sobre assassinato

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Depois da Casa Branca se pronunciar contra os comentários de Johnny Depp sobre matar o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, foi a vez do ator ir novamente a público. Em entrevista à People nesta sexta-feira (23), o ator se desculpou sobre a piada.

“Isso não saiu como eu planejava e de fato não tinha nenhuma malícia. Eu estava apenas tentando divertir, não queria prejudicar ninguém”, lamentou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na última quinta (22), no Festival Glastonbury, o ator fez referência ao assassinato de Abraham Lincoln por John Wilkes Booth em 1865. O caso aconteceu justamente durante uma aparição do então presidente dos EUA em uma edição do Festival Glastonbury. “Podemos trazer Trump aqui?… Eu acho que ele precisa de ajuda. Quando foi a última vez que um ator assassinou um presidente?”, disse o ator.

Confira o discurso de Johnny Depp contra Donald Trump:

https://www.youtube.com/watch?v=pbQE7KYm7UY

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio