Shia Labeouf foi liberado da prisão na Georgia, onde está rodando seu próximo filme (intitulado The Peanut Butter Falcon), após ser acusado de desordem pública ao aparecer bêbado em um lobby de hotel.

O ator pagou US$7.000 para sair da cadeira, o equivalente a quase R$23.000.

Shia foi preso em 2008 por dirigir bêbado em Hollywood, novamente em 2014 e 2015 também por desacatado e desordem pública, e até mesmo esse ano o ator foi para trás das grades por agredir manifestante contrário em um protesto que ele organizou contra Donald Trump, presidente dos Estados Unidos.