“Um hipócrita pregando sobre ideais feministas”, diz ex-mulher sobre Joss Whedon

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O trailer de Liga da Justiça, lançado no mês passado na Comic-Con 2017, não foi o único assunto durante o painel da DC. Logo após a exibição da prévia, a DC confirmou que Joss Whedon será creditado como co-diretor do filme.

Mas ainda sobre o famoso produtor e roteirista, algumas notícias não são boas.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Isso porque a sua ex-mulher, Kai Cole, deu umas declarações não muito boas sobre ele em entrevista ao The Wrap.

“Ele usa o nosso relacionamento como um escudo. Desse jeito ninguém faria perguntas sobre os seus relacionamentos com outras mulheres ou indagariam os seus trabalhos como nada menos que feminista”, disse ela.

Ela ainda falou o quanto se sente pressionada a fazer esse tipo de declaração.

“Me deixe começar dizendo que eu sou uma pessoa muito discreta e o ato de escrever isso é anti-ético a tudo que eu apoio. Mas ao mesmo tempo, eu me sinto forçada a esclarecer algumas informações erradas. Eu não acho justo que eu ou qualquer outra mulher fique calada por mais tempo” disse a futura arquiteta.

Ela continua comentando que Whedon a traiu diversas vezes e que o feminismo que o diretor expressa não passa de hipocrisia.

Em resposta a ao The Wrap, a acessoria de Joss Whedon comentou:

“Enquanto que esse post convem inverdades e interpretações erradas que podem ser nocivas à sua família, Joss não comentará pensando em seus filhos e em respeito a sua ex-mulher”

Com Batman, Flash, Superman, Mulher-Maravilha e Aquaman, o primeiro filme da Liga da Justiça, dirigido por Zack Snyder e finalizado por Joss Whedon, estreia em 16 de Novembro de 2017.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio