Madonna se abre sobre processo complicado de adoção: “Chorava todas as noites”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A superstar Madonna não teve uma boa experiência com o processo de adoção dos filhos David (11 anos), Mercy (11 anos), Estere (5 anos) e Stella (5 anos). Em nova entrevista à revista People, ela se abriu sobre as dificuldades.

“Quando voltei para Londres com David, todos os jornais disseram que eu tinha sequestrado meu filho, ao invés de adotá-lo. Pensei comigo: Eu estou tentando salvar a vida alguém, e vocês me dão essa m****? Fiz tudo do jeito certo. Foi um momento difícil para mim. Chorava todas as noites”, contou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Quando tentei adotar Mercy, tinha acabado de me separar [do diretor Guy Ritchie]. Me disseram que eu não era capaz de criar mais um filho sozinha. O comportamento machista que presenciei foi incrível, mas sou uma sobrevivente. Acho que, por ser famosa, as pessoas não querem enfrentar acusações de que me trataram de forma especial”, disse.

No entanto, a cantora diz que “valeu a pena” passar por tudo isso para ter os queridos filhos por perto. Além dos quatro filhos adotados, Madonna ainda tem Lourdes (20 anos) e Rocco (17 anos).

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio