Stalker de Keira Knightley lhe enviou ameaças e imagens de pedofilia, diz jornal

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Após ser condenado a oito semanas de prisão e receber uma ordem de restrição que o impedia de se aproximar da atriz Keira Knightley, o stalker Mark Revill voltou a perturbar a estrela indicada ao Oscar por Orgulho & Preconceito, segundo o jornal The Sun.

Através do Twitter, ele enviou ameaças a Knightley e seu marido, o cantor James Righton. “Minha campanha de desobediência continua no norte de Londres esta noite”, disse o stalker, iniciando uma série de ataques.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ainda mais perturbador foi o conteúdo de uma das mensagens, uma imagem de pedofilia – vale lembrar que Keira é mãe da pequena Edie, de apenas 2 anos. Denunciado pelo casal, o homem foi preso e teve o seu iPad apreendido para análise. Na memória do aparelho foram encontradas centenas de fotos de crianças em poses indecentes.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio