Atriz de Austin Powers diz que beleza a impediu de pegar bons papeis: “Queria ser a Meryl Streep”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A atriz Heather Graham, conhecida por seus papeis em Austin Powers: O Agente Bond Cama (1999), Do Inferno (2001) e Se Beber Não Case (2009), contou em entrevista à Entertainment Tonight que sua beleza a impediu de conseguir papeis “sérios”.

“Quando era pequena, queria ser a Meryl Streep. Se alguém conseguia me fazer chorar no palco, era a minha maior felicidade. Eu queria fazer papeis deprimentes e ganhar Oscar. Depois de um tempo, senti que queria comédias e fazer as pessoas rir. Tive fases”, admite ela.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Alguns filmes fizeram com que eu me sentisse uma atriz legítima”, diz ainda, citando especialmente Drugstore Cowboy (1989), de Gus Van Sant. “Quando o Festival de San Diego resolveu me homenagear, foi tão estranho. Eu me via passando na tela em vários momentos da minha vida, e me sinto tão diferente hoje em dia”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio