Depois de Harvey Weinstein, famoso diretor de cinema é acusado de assédio por 38 mulheres

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Harvey Weinstein, um dos produtores mais famosos da indústria cinematográfica mundial, foi recentemente expulso da sua própria empresa, que fundou com seu irmão, a Weinstein’s Company. O conselhos dos diretores organizou uma votação que resultou na quase unanimidade para a expulsão de Harvey.

E agora foi a vez do diretor James Toback ser exposto. Ele dirigiu clássicos como O Rei da Paquera, Bugsy, e Nunca Fui Amada. E de acordo com a Vulture, 38 mulheres, incluindo atrizes e produtoras, denunciaram o seu comportamento abusivo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

De acordo com elas, ele as ameaçava e fazia-as se sentirem vulneráveis para depois as assediar. A atriz Adrienne LaValley relatou que James a ameaçou na carreira se ela não fizesse sexo com ela, e a vocalista da banda Veruca Salt, Louise Post, disse que ele a encontrou num hotel e disse que adoraria “se masturbar olhando em seus olhos”.

As denúncias ainda serão formalizadas e o caso pode ser julgado.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio