O diretor e roteirista James Toback, conhecido por seu trabalho em filmes como Bugsy, respondeu em entrevista à Rolling Stone todas as mais de 300 mulheres que se pronunciaram acusando-o de assédio sexual.

“Para qualquer pessoa que diga isso sobre mim, eu só quero cuspir na cara dela”, conta Toback. “Ninguém que já trabalhou comigo ou me conhece diria algo assim de mim. Ninguém”.

O diretor foi entrevistado pela Rolling Stone por telefone, em chamada conjunta com a estrela do seu novo filme, The Private Life of a Modern Woman, Sienna Miller.


“Todas essas acusadoras são chupadoras de p*u mentirosas ou vadias mentirosas”, disse ainda. “Isso tudo é estúpido demais para que eu perca meu tempo respondendo. Não tem nada a ver com a minha vida de verdade”.

Selma Blair, Rachel McAdams e Julianne Moore estão entre as mulheres que contaram histórias de assédio sexual relacionadas a Toback.