A atriz Jane Fonda tem um longo histórico de ativismo por diversas causas, e em sua mais recente aparição no programa All In, ao lado do apresentador Chris Hayes e da autora feminista Gloria Steinem, ela não perdeu a chance polemizar.

Falando sobre as acusações contra o produtor Harvey Weinstein, nomeado por mais de 50 mulheres em casos de assédio sexual e estupro, Fonda questionou a atenção dada ao caso.

“Para mim, parece que a percepção mudou com esse caso. Essas acusações só estão sendo ouvidas porque tantas das mulheres que ele assediou são brancas e famosas”, criticou.


“Isso acontece diariamente com mulheres negras e outras mulheres de cor, e os casos delas não repercutem do mesmo jeito”, disse ainda.

Até agora, a única mulher negra a acusar Weinstein de assédio foi Lupita Nyong’o, estrela de 12 Anos de Escravidão e Star Wars.