Woody Allen revelou à BBC que tem se sentido muito triste em relação às acusações de assédio contra Harvey Weinstein. “Toda essa coisa com Harvey Weinstein é muito triste para todos os envolvidos. Trágico para as pobres mulheres envolvidas, e triste para Harvey que teve toda a sua vida arruinada. Não há vencedores nisso, é apenas muito, muito triste e trágico” disse o diretor.

Allen tem trabalhou inúmeras vezes com a Weinstein Company, e declarou que nunca tinha ouvido falar sobre qualquer tipo de acusação de assédio. Ele também teme que uma espécie de “caça às bruxas” acabe se instaurando em Hollywood.

“Você não vai querer entrar numa atmosfera de caça às bruxas, uma atmosfera de Salem, onde qualquer cara que pisca para um garota em seu escritório de repente tem que ligar para seu advogado para se defender. Isso também não é certo. Mas claro, eu espero que tudo isso se torne em um benefício para as pessoas ao invés de apenas uma história trágica” confessou Allen.