Caso de assédio que levou à demissão de jornalista americano aconteceu no Rio de Janeiro, durante Olimpíadas

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O jornalista Matt Lauer, conhecido nos EUA como um dos âncoras do Today, programa matinal de notícias da NBC, foi afastado de seu posto por “conduta sexual inapropriada”.

O anúncio foi feito na manhã dessa quarta (29), e o Page Six conseguiu as primeiras informações mais detalhadas sobre o caso que levou ao afastamento.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Uma funcionária da NBC acusou Matt de assediá-la durante as Olimpíadas do Rio de Janeiro”, informou uma fonte. “Há rumores sobre os casos de Matt com funcionárias há anos, mas tudo parecia ser consensual. Nesse caso, não foi”.

Lauer veio ao Brasil para apresentar a cobertura das Olimpíadas do Rio de Janeiro entre 5 e 21 de agosto de 2016. O jornalista, de 59 anos, apresenta o Today desde 1997, e ficou conhecido pela entrevista em 2015 com Charlie Sheen, na qual o ator revelou ser HIV positivo.

O afastamento do jornalista é apenas o mais recente após uma avalanche de denúncias de assédio sexual iniciadas pelas acusações contra Harvey Weinstein, um dos produtores mais poderosos de Hollywood – saiba o último desenvolvimento desse caso.

Nomes como Kevin Spacey, James Toback, Louis C.K., John Lasseter, Oliver Stone e muitos outros foram parar nas manchetes recentemente graças a denúncias similares.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio