James Cameron revela que quase brigou com Harvey Weinstein durante a cerimônia do Oscar de 1998

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em 1998, James Cameron ganhou seu Oscar por Titanic, mas a cerimônia que deveria ser só alegria para o diretor, quase terminou em confusão.

Em entrevista à Vanity Fair, Cameron revelou que teve um desentendimento com o produtor Havery Weinstein que quase terminou em briga. Tudo teria decorrido do modo como Weinstein teria tratado o amigo de Cameron, Guillermo Del Toro, durante a produção do filme Mutação. “Harvey veio até mim e me disse como eu era um artista genial, e então eu disse que eu conhecia como ele era graças à experiência do meu amigo, e isso nos levou ao desentendimento” explicou Cameron.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Segundo o diretor, ele queria acertar Harvey com o Oscar que havia recebido, mas foi impedido por algumas pessoas e pelo retorno da cerimônia dos comerciais.

Hoje, devido às acusações de assédio contra Weinstein, Cameron acredita que talvez algumas pessoas “preferissem” que ele tivesse ido em frente com a briga.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio