Ator de Deadpool é acusado de assédio sexual: “Ele me enforcou e me impediu de gritar”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O comediante T.J. Miller, conhecido por seus papéis na série Silicon Valley e em filmes como Cloverfield e Deadpool, onde interpreta o Fuinha, foi denunciado por assédio sexual por uma mulher que escolheu manter seu nome em segredo.

Em entrevista ao Daily Beast, a mulher diz que conheceu Miller na faculdade, e que os dois estavam fazendo sexo (até então consensual) quando o comediante “começou a experimentar várias coisas sem falar comigo antes, e me enforcou para me impedir de gritar”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Não devemos sentir pena dele”, diz mulher que acusou Dustin Hoffman

“Eu fiquei olhando para a cara dele com olhos de pânico para ver se ele percebia que eu não estava gostando, mas ele não viu ou ignorou, e continuou fazendo sexo comigo”, relata.

“Nós dois tínhamos bebido bastante naquele dia, mas nada me preparou para aquilo e nem justifica aquilo. Ele me chacoalhou violentamente e foi ficando cada vez mais agressivo, me deu um soco na cara em certo momento – acordei com os lábios sangrando”, conta ainda.

Em 2018, Miller aparecerá nos cinemas na continuação de Deadpool e em Jogador Nº 1, de Steven Spielberg.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio