Estrela pornô comete suicídio e amigos dizem que causa foi bullying nas redes sociais

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A estrela pornô August Ames morreu aos 23 anos nesta semana. Segundo o The Blast, os peritos médicos que examinaram o corpo indicam que Ames morreu de asfixia devido a enforcamento – a polícia finalizou a investigação decretando suicídio.

“Ela era a pessoa mais amável que eu já conheci e ela significava o mundo para mim”, disse o marido de Ames à reportagem. Já amigos disseram que ela sofria de depressão há muito tempo – eles acreditam que um incidente recente na internet pode ter contribuído para sua decisão de acabar com sua vida.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No dia 3 de dezembro, Ames disse que se recusava a filmar uma cena sexual com um ator que tinha feito filmes pornográficos homossexuais. Em um desabafo no Twitter, August afirmou que o exame médico era diferente para cenas de sexo heterossexual em relação às cenas de sexo gay, e ela não queria participar.

Por causa de suas declarações, ela se viu em meio a muitos ataques online, com muitos fãs e artistas chamando-a de homofóbica. Ames, que nasceu no Canadá, foi duas vezes vencedora do prêmio AVN e apareceu em mais de 270 filmes pornôs desde que começou a atuar em 2013.

“Não tenho que pedir desculpas por nada!”, diz um dos últimos tuites de Ames. “Pedir desculpas por tomar mais precauções para que meu corpo se mantenha seguro? F*dam-se vocês por me atacarem quando minhas intenções não são maliciosas. Eu amo a comunicade gay! Eu tenho que escolher quem deixo entrar no meu corpo. Sem ódio”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio