Harvey Weinstein tentou armar um plano para enganar todas as mulheres que o denunciaram por assédio

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O produtor Harvey Weinstein recentemente começou a sentir as consequências legais das denúncias de assédio sexual levantadas contra ele no mundo do cinema.

Segundo o Deadline, o primeiro processo formal contra Weinstein foi iniciado pela advogada Jill Greenfield, em Londres (Inglaterra), nessa segunda (27).

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

E durante uma entrevista ao Page Six, o jornalista Heather McDonald’s contou sobre um estranho evento envolvendo Harvey. De acordo com ele, Harvey o chamou para um encontro em um hotel em Los Angeles e contou uma história no mínimo diferente sobre o que vinha acontecendo.

Heather contou que Harvey lhe disse que algumas mulheres estavam tramando um plano para acusá-lo falsamente de assédio, e tentou contratá-lo para fingir ser um jornalista que tinha planos de coletar informações sobre o assédio, para então descobrir quem eram todas as mulheres fazendo denúncias.

McDonald’s conta que não aceitou por achar a situação estranha demais.

No momento, a polícia britânica investiga três acusações de assédio contra Weinstein, que foi nomeado por mais de 60 mulheres em diversas denúncias na imprensa.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio