Netflix demite executivo que contou que a empresa não acreditava nas denúncias de abuso sexual contra Danny Masterson

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Netflix anunciou nessa terça-feira (12) que demitiu o executivo Andy Yeatman, diretor global de conteúdo infantil.

“Sr. Yeatman não é mais funcionário da Netflix”, contou uma fonte interna da empresa de steaming.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O motivo da demissão foi porque Andy contou ao ator Danny Masterson, acusado de abuso sexual por diversas vítimas que ele não acredita nas denúncias feitas ao ator de The Ranch.

Yeatman foi demitido da Netflix na segunda-feira (11) por conta de seus comentários, feitos em uma letreiro lateral em jogo de futebol infantil. Andy afirmou que não sabia que estava conversando com uma das acusadoras.

Em 4 de dezembro de 2017, o site HuffPost publicou uma conta de uma acusadora anônima de Masterson – conhecida somente como “Vítima B” -, que disse que encontrou Yeatman em um jogo de futebol em Los Angeles. Quando a vítima descobriu que Yeatman trabalhava na Netflix, ela o confrontou, perguntando porque a empresa não tomou ações legais contra Masterson. De acordo com o relato, Andy disse que a Netflix leva essas alegações muito à sério mas que a empresa não acredita nas acusadoras de Danny.

Na época, a Netflix confirmou os comentários infelizes do executivo, dizendo que iria tomar previdências que continuaria a deixar The Ranch em seu catálogo. No dia seguinte, a empresa comunicou que havia demitido o ator da série.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio