Irmã de Woody Allen diz que filha adotiva do diretor está ganhando dinheiro com o #MeToo

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Letty Aronson, irmã mais nova de Woody Allen, não está nada feliz com o retorno das acusações de assédio feitas por Dylan Farrow, filha adotiva de Allen, e o crescimento do movimento #MeToo.

Demonstrando que continua apoiando o irmão, Aronson, em um artigo publicado pelo The New York Times, alega que Farrow está capitalizando o movimento #MeToo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Farrow não deixou para menos, e respondeu ao Times: “Se Woody Allen e seus seguidores acham que eu estou capitalizando um momento em que estão olhando vagamento para os fatos, enquanto confiam nas palavras finais de homens poderosos – um momento no qual a verdade é a moda – então eu diria que eles estão certos.”

As acusações contra Allen tem gerado diversos problemas para o diretor, e até mesmo seu próximo projeto, o longa A Rainy Day in New York, pode chegar a não ser lançado.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio