Apresentador de American Idol é acusado de abusar sexualmente de estilista

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A estilista do ator e apresentador Ryan Seacrest, do canal E! News e de American Idol, confessou nessa segunda ter sido vítima de inúmeras agressões e violência sexual.

Trabalhando com Ryan desde 2006, Suzie Hardy, através de seu advogado, enviou uma carta para o canal E! em novembro de 2017, revelando que sofreu inúmeros abusos e violência sexual.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os documentos obtidos pela Variety contam que Suzie teve sua vagina tocada pelo ator e apresentador e violentada de outras formas. A estilista informou que aguentou por muitos anos os abusos por conta de ser a única fonte de renda para criar sua filha. Em 2013, ela denunciou tudo para a empresa e a relação trabalhista de ambos foi cortada.

Em 2013, Hardy foi solicitada a comparecer ao departamento de recursos humanos do canal para esclarecer seu relacionamento com Seacrest e que durante a reunião confirmou que não tinha relação física com o ator: “Nunca o beijei, nunca o toquei ou transei com ele. Mas ele me tocou”.

Duas semanas depois, o contrato dela dentro da empresa acabou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio