George Clooney e Amal doam R$ 1.6 milhão para protesto anti-armas de estudantes

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

George Clooney e sua esposa, a advogada Amal Alamuddin, vão doar US$ 500 mil (o equivalente a R$ 1.6 milhão) para a organização March for Our Lives, erguida por cinco estudantes que sobreviveram ao massacre na escola Marjory Stoneman Douglas, em Parkland (EUA).

O ataque, acontecido no domingo (18), reviveu o debate sobre armamento nos EUA, e os estudantes querem protestar por leis mais “sensíveis” nas quais se torne mais difícil adquirir armas letais dentro do país.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Jacqueline Coren, Emma Gonzalez, Cameron Kasky, David Hogg e Alex Wind são os cinco sobreviventes que lideram o March for Our Lives – o primeiro protesto deve acontecer em 24 de março.

“Amal e eu ficamos tão inspirados pela coragem e eloquência daqueles jovens homens e mulheres de Stoneman Douglas”, disse Clooney em declaração oficial (via E! News). “Nossa família vai estar lá no dia 24 de março apoiando essa incrível geração”.

George Clooney aluga ilha privada para aniversário da esposa

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio