Meryl Streep acha “patético” uso de seu nome por Harvey Weinstein em processo

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Meryl Streep não gostou nem um pouco de ter sido citada por Harvey Weinstein nessa quarta (21).

Harvey, que responde judicialmente contra acusações de assédio e abuso sexual, utilizou o nome de Streep, além de Jennifer Lawrence e outras atrizes, para dizer que elas “não se sentiram ofendidas por ele”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Meryl, em entrevista ao site Deadline nessa quarta, confessou: “Os advogados de Harvey Weinstein usaram minha declaração de que ele não foi abusador ou teve comportamento sexual em nossa relação profissional como evidência de que não é abusivo com OUTRAS mulheres. Isso é patético e explorar.”

A vencedora de três Oscar completou depois que as ações criminosas do qual ele é acusado, por abusar e tocar em corpos de mulheres são responsabilidades totais dele e que se há justiça, ele pagará por tudo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio