Sarah Jessica Parker se lembra de chorar ao ser pressionada a fazer cena de nudez

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em meio às discussões sobre o movimento #MeToo e assédio sexual em Hollywood, Sarah Jessica Parker se considera sortuda por sempre ter tido uma rede de apoio que a protegeu de casos semelhantes.

“Desde os meus primeiros filmes, meu agente [Kevin Huvane] sempre me disse: ‘Se eles quiserem que você faça algo que não quer fazer, não faça’. Ele sempre me dava uma passagem de avião e um carro à disposição para me buscar se eu precisasse ir embora do set”, contou à People.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Os diretores sempre me pressionaram para fazer cenas de nudez, o que eu nunca fiz e nunca quero fazer. Não é nenhum julgamento em quem faz ou já fez, simplesmente não combina comigo e não é algo com o que eu estou confortável”, disse ainda.

“Uma mulher com quem eu trabalhei muitos anos atrás me abordou outro dia e disse que se lembrava de me ver chorando em um set porque estavam me pressionando para tirar a roupa. O diretor me aterrorizava, fazendo piada que ia incluir uma cena de nudez”, conclui.

Parker, que atualmente estrela a série Divorce, não revelou a identidade do diretor.

Sarah Jessica Parker lembra namoro com Robert Downey Jr

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio