Uma Thurman quer que Harvey Weinstein seja “devidamente processado”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Uma Thurman deseja que Harvey Weinstein seja devidamente processado por tê-la assediado inúmeras vezes.

Em entrevista no começo de fevereiro de 2018, Thurman contou que o ex-produtor de Hollywood a atacou sexualmente em diversas ocasiões ao longo de sua relação profissional.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Estúdio pode abandonar filme de Quentin Tarantino após polêmica com Uma Thurman

Nessa terça (27), Thurman, durante entrevista para o The Late Show with Seth meyers, contou: “Não há ninguém que eu quero que seja mais processado do que ele”, após o apresentador elogiar Uma por tê-lo denunciado. “Você tem que ser cidadã e não deixar que as outras pessoas carreguem o peso sozinhas”, completou a atriz.

A relação de Uma com Harvey veio desde que ele produziu os filmes de Quentin Tarantino no qual ela era a protagonista: Pulp Fiction e os dois volumes de Kill Bill. Thurman revela que Weinstein a assediou uma vez em um hotel na cidade de Paris e depois, em outra oportunidade, em Londres.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio